Follow by Email

segunda-feira, 28 de março de 2011

O QUÊ FAZEMOS?


DIRETOR-CONSELHO FISCAL - TREINAMENTO TÁTICO


O QUÊ FAZEMOS?

Bom, começo dizendo que desse o fatídico 11 de setembro, o mundo não é mais o mesmo. Pode até ter sido antes desta data, mas este fato ficou marcado em todos nossos corações brasileiros e outros ataques terroristas vitimaram centenas de vidas inocentes e destruíram um dos principais cartões postais de Nova Iorque. Digo alguém se lembra? Das Torres Gêmeas, além de bombardearem o Pentágono. Falo que essas atrocidades nos deixaram perplexos e paralisados. Deixo aqui uma pergunta a todos. Qual o significado da vida para um ser humano, uma pessoa suicida?

A principal potência do mundo, os EUA, enfraqueceu diante dos ataques. Eu lembro que em 1989, com a queda do muro de Berlim, pensávamos que avanços positivos fossem desnudados e que iria surgir uma nova etapa na vida das pessoas que viviam escondidas. Em um símbolo de unificação, mesmo que fosse no papel, passamos. Torcíamos por expectativas para o Novo Milênio. Eu torcia e você torcia também. Deixavam-nos atentos e ao mesmo tempo, aflitos. Digo será que o mundo vai acabar? Portanto, chegamos até aqui. Apesar dos escândalos e da escolha de “novos governantes na América do Sul e do Norte”. Falo que avançamos na tecnologia, Medicina. Bom, globalizamos sim, mas por quê? Hoje estamos vivendo momentos de prosperidade, o mundo está vivendo. Como é bom viver. Hoje, é fácil, nós procuramos e encontramos, frutas e legumes, para uma melhor digestão. Caminhada, pelo menos três vezes por semana, durante meia hora, para o coração. Rir e proclamar otimistas. Essas são algumas das receitas mais conhecidas dos brasileiros. Você tem dúvida? Eu não. Tudo parece fácil, estamos alcançando dias melhores, aprendemos como driblas dificuldades. Que bom né? Tudo parece bem para nós. Pais de terceiro mundo que recebeu o título de “emergente”. Digo que eu sou um brasileiro e nunca omitirei minha descendência. Ok? Tudo parecia normal, passou o carnaval, a principal festa popular, e agora estamos prontos para inicial de fato o ano de 2011. Falo que semana que tudo seria iniciado tomei um grande susto, o mundo inteiro acordou assustado, ao ler as principais noticias. Hábito que cultivo sempre pela manhã, o Japão tinha sido sacudido por um terremoto de 8,9 na escala Richter, vitimando milhares de vítimas. O Japão potencia que se solidificou junto com seu povo, depois de uma devastadora guerra, que a história não apagara, vive hoje um racionamento de água, luz e comida. Concluo dizendo que, vocês imaginariam que um dia iriamos ler esta noticia? Eu não. Nós acompanhamos pela imprensa o Haiti, o Chile, o Japão, não. Bom, caros amigos, colegas com este texto eu espero ter provocado uma reflexão de todos. Precisamos fazer uma análise sobre nossas vidas, ok? O que esperamos para o futuro? Gritar ao mundo, mudar nossos atos, enfim, respeitar aquilo que recebemos e não fazemos nada por ela: é a natureza. É necessário que nós respeitemos. Defino dizendo que, se o amor não é oferecido, como podemos conhecê-lo? Tente refletir o que vivemos O que parece muito longe pode estar mais perto do que pensamos ok? Minha reflexão é que tome iniciativas, visite pessoas idosas, doe sangue, cumprimente as pessoas, até aquelas que você não conhece. Não tenha preconceito e medo de praticar o que Deus ofereceu em abundância para todos nós, o SEU verdadeiro AMOR.


















Nenhum comentário:

Postar um comentário